quinta-feira, outubro 08, 2009

ISRAELITA GANHA PRÉMIO NOBEL DA QUÍMICA

Ada E. Yonath, acaba de receber a sua melhor prenda aos 70 anos: o prémio Nobel da Química, pelos estudos feitos acerca da "estrutura e funcionamento da ribossoma".
Partilhando o galardão com um inglês de origem indiana e um norte-americano, a lauraeada israelita trabalhou no estudo dos ribossomas, cuja importância está em "traduzir a informação do ADN em vida".
Estes estudos poderão levar ao desenvolvimento de novos antibióticos.
Parabéns, dra. Yonath! Bem haja!
Shalom, Israel!

2 comentários:

Anónimo disse...

Sobre a atribuição do Prémio Nobel da Paz a Barack Obama:

No fulcro da verdade, esse Presidente Obama está é a humilhar a América, a acobardá-la, a retirar-lhe Glória e a baixar-lhe perigosamente o prestígio e hegemonia que tem no mundo colocando os valores da Liberdade e da Democracia à beira do abismo. É por isso que a escumalha comuna e terrorista caga de alto pois querem é que a América rasteje e afocinhe de trombas no chão!

Não gosto nada desse Obama e da cobardia que tem demonstrado ao andar a dar numa de "bonzinho" patético. Anda a colocar a América de joelhos, a "denegrir" e a ensovalhar os valores do Principal e mais Firme Bastião Da Liberdade no Mundo Livre, Escudo da Europa. O seu "políticamente correcto" vai ao encontro do gosto de todos esses cobardes ensônsos europeus que o melhor que sabem fazer é acanharem-se face ao terrorismo e às ditaduras. Por eles, passa-se uma borracha no 11Set`01 e o mundo soma e segue!!! A mesmíssima coisa fariam no dia em que o Irão lançasse destruição nuclear sobre Israel e o elimina-se do mapa, para depois todos juntos e de mãos dadas, construíssem por fim, sobre a argamassa de carne e sangue dos judeus, o ideal da Palestina!!!

Esse estilo nefasto, ingénuo e irresponsável de actuação, é do agrado desse hipócrita Comité Nobel (que até deu o prémio da paz ao "pai do terrorismo", o Arafat).

Na verdade, esta atribuição que é mais um falsário embuste de tão descredibilizado Comité, é um enorme e perigosíssimo passo atrás na afirmação do Mundo Livre face à barbárie dos regimes párias e dos selváticos terrorismos e abre um sério precedente para o Mundo Civilizado no futuro, pondo inclusivé em causa a sua própria sobrevivência!

Esta ascensão das potências emergentes (em vias de desenvolvimento) como China, Índia e Brasil não augura nada de bom para o futuro deste Mundo, basta atender ao tipo de regimes que esses países têm, especialmente a China!!!

Por isso, uns EUA económicamente e militarmente fortes, robustos e firmes a defenderem os seus valores e ideais precisa-se urgentemente, a bem da Humanidade!


Manuel Cunha

Judite disse...

Shalom!!!
Queremos duvidar dos tempos, mas hoje, 9 de Outubrode 2009, o presidente Obama que em poucos meses já contradisse o que dissera, do incentivo aos inimigos de Israel mas que entretanto se escudou no anti-nuclear, acaba (difícil acreditar que a notícia é real) de ser nomeado nobel da Paz!
Já não há verdadeiros promotores da paz? não há mais homens, mulheres, grupos, cujas vidas têm ajuntado e não espalhado?
Judite