segunda-feira, outubro 09, 2017

ISRAEL VAI APROVAR A CONSTRUÇÃO DE QUASE 4.000 NOVAS CASAS NA JUDEIA E SAMARIA

Espera-se para breve a construção de 3.829 novas habitações nos territórios bíblicos da Judeia e Samaria, incluindo Betel e Hebron.
Segundo informações colhidas depois de um encontro entre o primeiro-ministro e vários líderes israelitas, o presidente Donald Trump, cujo desejo é conseguir um acordo de paz para a região, acedeu com um número limitado de construções na Judeia e Samaria. 
Espera-se agora a assinatura oficial que permita o início das obras.

Shalom, Israel!

2 comentários:

Daniel Liu disse...

Israel fazendo isso é a mesma coisa que se auto condenar frente aos inimigos, já que os inimigos de Israel consideram essas áreas como invadidas.

Porém se eu fosse Israel usava isso em troca de acordo de paz, avisar aos quatro cantos da terra que para cada ataque terrorista, a cada palavra dita contra Israel pelo(s) governo(s) palestino(s) se construiriam mais casas, só parasse se o governo palestino assinar um acordo de paz, coisa que eu sei que os palestinos não querem e se assinarem, vão assinar de fachada, mas uma quebra de acordo de paz tem grandes perdas aquele que o quebra.

Falando de guerra, acabei de ler uma artigo no blog "Ucrânia em África" mostrando um livro recém lançado de dois pesquisadores israelenses expõe a ajuda soviética nos países árabes contra Israel nas guerras dos Seis Dias, do Desgaste e do Yom Kipur. Segundo os autores, a Rússia está seguindo os mesmos moldes da URSS na guerra da Síria. Acho importante termos estas informações do passado. Para quem quer saber mais é só visitar aquele blog, que tem um link para outro artigo em inglês.

Porque refletindo sobre isso, sei que hoje a Síria é inimiga de Israel. Ela não quer assinar qualquer acordo de paz em troca dos Golan. Sabemos que a Rússia é contra a passagem de dutos de petróleo e gás da arábia para a Europa, que ameaça o monopólio russo, porém depois da descoberta recente em Israel de petróleo, em uma quantidade maior do que da Arábia Saudita, Israel propôs junto com o governo do Chipre para passagens de dutos pelo mar até a Grécia/Europa. Sabemos que Putin é amigo de Israel mas não sabemos se será no dia de amanhã.

Vamos vigiar e orar irmãos para a proteção da nação de Israel.

Victor Nunes disse...

Avante o Senhor está contigo construa mais..