domingo, janeiro 06, 2008

"RECEBEI O BUSH COM BOMBAS E EXPLOSIVOS!"


Realmente George Bush deve andar preocupado. E tem razões para isso: já não é só uma parte do povo de Israel que não o quer ver por aquelas bandas, como agora é um americano convertido ao islão e "promovido" a porta-voz da Al-Qaeda nos EUA que ameaça Bush com uma recepção nada simpática para um presidente americano: um apelo às redes de terroristas para que recebam Bush com "bombas e carros armadilhados" quando da sua deslocação a Israel a meio desta semana.
O video que circula hoje pelo mundo mostra Adam Gadahn numa retórica anti-americana que inclui o rasgar do passaporte americano como símbolo de um "protesto simbólico", constituindo o primeiro comunicado desta organização terrorista em 2008.
"Dirigimos agora um apelo urgente aos nossos irmãos militantes na Palestina islâmica e na península arábica... para estarem prontos para receber o Cruzado Bush na sua visita à Palestina islâmica e à península arábica no início de Janeiro e a receberem-no, não com flores ou aplausos, mas com bombas e carros armadilhados" - proferiu o terrorista em árabe, apesar de a maior parte do seu discurso ter sido em inglês.
Gadahn, nascido nos EUA, conhecido também como Azzam al-Amriki, foi acusado de traição pelo governo americano em 2006 e é procurado pelo FBI desde 2004, que oferece uma recompensa de 1 milhão de dólares por informações que levem à sua detenção ou condenação.
Este terrorista condena também os cristãos americanos, apelando a que se convertam ao islão.
Não defendendo de forma alguma este paranóico líder de tão terrível organização terrorista, lamentamos mesmo assim que Bush vá meter-se onde não se devia meter, atraindo para si e para a nação que ele representa o terrível juízo de Deus.
Que Deus proteja Israel destes perigosos líderes!
Shalom, Israel!

1 comentário:

Fábio Souza disse...

Muito legal o seu blog. Realmente não só os radicais árabes, mas o próprio Presidente dos EUA, está se tornando uma preocupação mundial. Não há como apoiar os terroristas árabes em seus atos, mas George Bush é tão terrorista quando eles.
Fique à vontade para visitar o meu blog também:

http://visaohebraica.v10.com.br

Um abraço, Fábio.