quinta-feira, outubro 01, 2015

LÍDERES MUNDIAIS DISCURSAM NA ONU. JERUSALÉM CADA VEZ MAIS PARTE DAS PREOCUPAÇÕES, INTERFERÊNCIAS E CONDENAÇÕES

Logo no início da histórica 70ª Assembleia Geral da ONU, a questão de Israel tornou-se logo parte das condenações nos discursos dos líderes mundiais que desde segunda-feira têm subido ao pódio mundial para expressar as suas opiniões, convicções e, em alguns casos, até o seu ódio anti-sionista e anti-semita.
A presidente brasileira Dilma Rousseff, primeira interveniente nos discursos, não conseguiu esconder o seu anti-sionismo ao afirmar o seguinte:
"Não se pode postergar a criação de um estado palestino que conviva pacificamente e harmonicamente com Israel", acrescentando ainda que "Não é tolerável assentamentos dos territórios ocupados."
Sinceramente, creio que esta senhora tem muito mais com que se preocupar e ocupar do que com os problemas internos de um estado soberano chamado Israel, a única democracia no Médio Oriente...
Creio que o povo brasileiro merece estar melhor representado...

REI DA JORDÂNIA
Como se não bastasse a sua provocação em relação ao primeiro-ministro israelita Netanyahu, recusando-se a atender qualquer contacto do mesmo, o rei Abdullah II da Jordânia veio ao pódio afirmar a sua política anti-sionista e pró-islâmica:
"Juntamo-nos aos muçulmanos e aos cristãos em todo o lugar na rejeição das ameaças ao carácter árabe desta cidade santa (Jerusalém)."
Para além desta lamentável declaração, o rei da Jordânia ainda aproveitou a ocasião para chamar a si  (Jordânia) "o sagrado dever" de preservar os lugares sagrados muçulmanos e cristãos, um claro desafio à soberania israelita sobre TODA a Cidade Santa de Jerusalém, a Capital eterna, una e indivisível da nação de Israel.

PRESIDENTE DO IRÃO
Obviamente que do Irão nada de bom se pode esperar. O presidente do ditatorial regime teocrático dos ayatollahs, Rouhani, veio com a sua habitual verborreia verbal, afirmando que o habitual apoio dos Estados Unidos a Israel fornece uma desculpa para o terrorismo mundial: "Se não tivéssemos o incondicional apoio (norte-americano) às acções desumanas do regime sionista contra a oprimida nação da palestina, os terroristas não teriam hoje uma desculpa para a justificação dos seus crimes."
Não fosse pela seriedade da questão e pelas partes envolvidas, dar-me-ia uma imensa vontade de rir às gargalhadas com a desfaçatez deste criminoso responsável mor pelo apoio moral e material a alguns dos mais conhecidos grupos terroristas do Médio Oriente, como é o caso do Hamas, do Hezbollah, Jihad Islâmica, todos eles ambicionando a pura e simples aniquilação do estado de Israel. 
Mas a culpa maior não é deste canalha. É dos líderes mundiais hipócritas como Hussein Obama e Ban ki-Moon que permitem que um assassino deste calibre possa subir ao pódio do mundo para vociferar o seu ódio e ameaças contra o regime sionista. O próprio chefe do Vaticano, no seu papel de falso profeta, há poucos dias atrás elogiou o recente acordo nuclear entre as grandes potências e o Irão, dando assim carta branca a um dos mais sinistros regimes mundiais, provavelmente o maior promotor do terrorismo islâmico internacional...!

AL-SISI, PRESIDENTE DO EGIPTO
Não sendo um declarado inimigo de Israel, o presidente egípcio defendeu no seu discurso de segunda-feira que o estabelecimento de um estado palestiniano nas fronteiras de 1967 com capital em Jerusalém oriental iria remover um factor central na instabilidade regional.
"Os acontecimentos recentes na al-Aqsa enfatizam a necessidade de uma solução compreensiva" - afirmou Sisi no pódio da ONU, acrescentando que "uma solução para a questão palestiniana irá mudar a face do Médio Oriente e trazer enorme progresso."

OBAMA SILENCIOSO SOBRE ISRAEL E OS PALESTINIANOS
Surpreendentemente, e ao contrário do que sempre fazia nos discursos anteriores, o presidente norte-americano, no seu discurso de ontem não fez qualquer menção a Israel nem aos palestinianos. Cansado do assunto? Talvez...Afinal, tem muito mais com que se ocupar...Irão, Síria, etc.

MAHMOUD ABBAS
No seu esperado discursos de ontem o presidente da Autoridade Palestiniana nada fez mais do que ameaçar romper com os "acordos de Oslo", rejeitando dessa forma qualquer acordo com Israel, que continuamente acusou de "poder ocupante."
Usando a saturada táctica da vitimização, o líder palestiniano afirmou que o seu povo procura a paz, esquecendo-se obviamente de mencionar os constantes ataques provocados sistematicamente pelos palestinianos contra os judeus, especialmente em Jerusalém nestes últimos dias...
Mais do mesmo de alguém que não tem nada mais a dar a não ser mentiras, mentiras, mentiras...

Shalom, Israel!


12 comentários:

Junior Melo disse...

AMados irmãos, a Predidente Dilma, uma ex-guerrilheira e inconvertida, e sua gangue de corruptos do partido a qual compôe a base governista, com essa postura anti -Israel ,leva a sua administração cada vez mais ao abismo e a bancarrota.Nestes termos, por negar a soberania do povo hebreu,por querer dividir a Santa Cidade do Deus Vivo,por suas atitudes anti-cristãs como o apoio ao casamento de homossexuais no Brasil, com a implantação de uma agenda da ideologia gay ,impondo a sociedade cristã praticas condenáveis aos principios divinos,gerencia a democracia brasileira fatiando cargos em Ministérios para ter condição de governabilidade.OS brasileiros convivem num páis que amarga uma ,senão a maior crise econômica e moral dos últimos 30 anos.Nunca se viu tanto desemprego nesta nação, jamais vi tanta corrupção, roubalheira,dilapidação do patrimômio público,colapso no sistema de saúde,no sistema previdenciário,greves e motins em cadeias ,crise hidrica nunca vista.E nós que somos cristãos, sabemos.Aqueles que amaldiçoam ISrael, receberão duro castigo .Eis que a mão do Altissmo está sobre esta nação !Nação esta que historicamente ,"consagrou ' esta terra a uma santa catolica, a "senhora Aparecida", uma imagem esculpida que recebe adoração de muitos.

Deus vos abençoe. (Júnior Melo -Fortaleza __Brasil)

Ana Cleide Napper disse...

"O próprio chefe do Vaticano, no seu papel de falso profeta, "kkkkkkkkk!!Eu realmente não entendi o que a presidenta quis dizer,ou entendi errado.No mais você e muito corajoso em seus post,Parabéns!Deus te abençoe.

olga disse...

Achei interessante... Rei da Jordania "preocupado" com cristãos... Terra Santa? Esta terra é Santa por quê? Se vamos mencionar o ponto de vista cristão, no meu entender, é necessário citar a bíblia. A bíblia é composta do Velho e Novo Testamento. Precisamos também falar sobre o Deus de Abraão, Isaque e Jacó... Jerusalém... Cristo, no mínimo... Mas, estes senhores e senhoras que discursam na ONU podem facilmente ser encaixados no salmos 2... Mesmo que reconhecessem a existência de Deus o teriam como opositor, concorrente...
Com relação a presidenta Dilma Rossef ela parou no tempo... É o tipo que ainda acredita que é possível dividir riqueza sem trabalho, que é possível democracia sem liberdade, e paz sem justiça... E, sabe por quê? pra julgar Israel toma por base o país que governa ou a maneira que governa... Não entende que há países que os governantes ainda honram seu povo!

Agora, pois, ó reis, sede prudentes; deixai-vos instruir, juízes da terra.
Servi ao Senhor com temor, e alegrai-vos com tremor.
Beijai o Filho, para que se não ire, e pereçais no caminho, quando em breve se acender a sua ira; bem-aventurados todos aqueles que nele confiam.
Salmos 2:10-12
Shalom Israel!
Olga

Luciano de Paula Lourenço disse...

Prezado Júnior Melo, concordo com você. E por causa destes fatos, mencionados por você, que a sra. Dilma não tem nenhuma moral para se meter no modus vivende de outro país, principalmente de Israel, que é um exemplo de democracia ( a única do Oriente Médio) e de prosperidade. Ficar calada lhe trará menos prejuízo, pois sua reputação está manchada sobremaneira.

Marcus Túlio Braga de Sousa disse...

Deus abençoe Israel!
É maravilhoso ver como tudo está concorrendo para que as profecias se cumpram.
Eloin ivarech et midinat Israel

Handmade Soap Blogger disse...

Serio Gente prescisamos de outro Vlad pra impalar Obama e Dilma , na biblia ta escrito tem que se cumprir a promessa que deus fez .. mas nao pensava que seria taun proximo .. Moro nos USA Odeio Obama ele em quase 8 anos acabou com o mundo todo ,, porque quando a America quebra que dira os outros Paises .. que deus proteja o 1 ministro de Israel

olga disse...

O primeiro-ministro de Israel Benjamin Netanyahu deu a resposta adequada a esta organização e os governos que por ela passam. Demonstrou na prática que o silêncio ensurdecedor da ONU é no mínimo cúmplice dos governos que pretendem riscar Israel do mapa. (Benjamin Netanyahu na ONU - 01 de outubro de 2015) -https://www.youtube.com/watch?v=Inebj4-0EMo

Acho que o discurso do primeiro-ministro ilustra o que eu quis dizer no comentário anterior. Benjamin Netanyahu pode ser até ateu (não estou afirmando que ele é), mas se está defendendo seu povo, se está honrando seu cargo foi pra isto que foi eleito! Deus usa quem Ele quer...
Netanyahu mais uma vez deixou seus adversários mudos porque surdos eles estão há muito tempo!
Shalom Israel!
Olga

Benaiah Cabral Ben Avraham Leiehouah יהוה The Liger disse...

Falou tudo!

Benaiah Cabral Ben Avraham Leiehouah יהוה The Liger disse...

Calada ou não, ela e a equipe drestroem sem limites. Até autoridades estão sendo manobradas pelo Pt.

Benaiah Cabral Ben Avraham Leiehouah יהוה The Liger disse...

Oremos, meditemos, e façamos política com campanhas de educação pois o Pt está usando a falta de educação sobre uns e a desinformação em outros

Benaiah Cabral Ben Avraham Leiehouah יהוה The Liger disse...

Algo é bom nesta época: floresce uma grande consciência sionista Internacional e também; Israel está com um dos seus melhores governos. Mas ainda falta unidade e auto identificação da nação. Com tantos zumbis internacionais contra Israel controlando humanos, armas e tecnologia, não é mais tempo de Mesquitas, Status Quo, Dois Estados e "Revisão da sobrevivência judaica israelita". Sem unidade de todas as facções seríamos exterminados em 1948; criou-se o Estado, derrotados em 1967; unificou-se Jerusalém e obteve-se domínio escalonado sobre nações vizinhas, surpreendidos em 1973; consagrou-se a consciência sionista emancipada de auto-suficiência e alerta permanente com reação real e potencial. Compreensível a confiança de cada qual em profecias. Amém. Mas chegou o tempo de unidade obrigatória e capacidade de defesa / expansão global. Se isto for protelado, as velhas situações indesejáveis vão se repetir pois visivelmente elas tentam se repetir.

Alex T disse...

Realmente o Brasil merecia alguém melhor a governar o País do que essa guerrilheira, que participou de grupos guerrilheiros com sangue nas mãos, assassinatos, tenha ela participado diretamente ou não. E agora faz parte de um partido visivelmente de ideias comunistas e, como se não fosse suficiente, ainda trabalha esse partido abertamente, às claras, aos olhos de todos, pela legalização TOTAL do ABORTO no Brasil, essa monstruosidade que é MATAR um ser humano indefeso ainda no ventre de sua mãe. Naturalmente que o Senhor, o Altíssimo, não poderia estar ao lado dessa gente, e agora, finalmente, Ele está dando a essa gente o que merecem! Que sejam os últimos dias dessa gente no poder! Fora Dilma! Fora PT!