quinta-feira, janeiro 20, 2011

NOVO FILME SOBRE INGLÊS QUE SALVOU 669 CRIANÇAS DO HOLOCAUSTO




Um filme sobre um inglês que que organizou evacuações em massa de crianças de forma a salvá-las de serem enviadas para os campos de morte nazis teve hoje a sua estreia mundial em Praga, a capital da República Checa.
O filme relata a obra de sir Nicholas Winton, que organizou 8 comboios para transportarem 669 crianças, na maioria judias, desde a antiga Checoslováquia, através da Alemanha e até à Inglaterra, durante o eclodir da 2ª Guerra Mundial, em 1939.
As crianças foram enviadas para pais adoptivos - a maioria na Inglaterra e alguns na Suécia.
O filme chama-se NICKY'S FAMILY, sendo dirigido pelo realizador eslovaco Matej Minac, e combina uma longa metragem e um documentário para providenciar detalhes da operação e das crianças resgatadas. Focaliza-se também em jovens que decidiram seguir o seu exemplo e ajudar os necessitados pelo mundo fora.
O protagonista desta história verídica, sir Winton, agora com 101 anos, esteve em Praga para assistir à estreia do filme, tendo recebido uma estrondosa ovação quando foi conduzido ao palco numa cadeira de rodas, após uma projecção anterior para crianças.
"Espero que seja fascinante para os jovens porque dá uma indicação do futuro. Penso que não adianta olhar só para o passado" - afirmou Winton.
Junto com sir Winton no palco esteve também Premysl Sobotka, porta voz deputado do parlamento superior da República Checa, que entregou uma nomeação de Winton como candidato ao "prémio Nobel para a paz" ao embaixador da Noruega em Praga, Jensen Eikaas.
O gabinete de Sobotka informou que centenas de milhares de pessoas assinaram a petição.
Eikaas afirmou que aquilo que Winton fez "encorpora todos os valores do prémio da paz".
Num dos episódios mais chocantes do filme, uma mãe que estava indecisa sobre que deveria fazer, puxou a sua filha para fora do comboio através da janela, tendo-a depois retornado ao comboio quando este começou a andar.
"Ela teve um segundo para decidir" - disse Minac - "É uma história real".
Minac informou que ele e sua equipa conseguiram encontrar 261 das crianças resgatadas, agora obviamente já adultas.
"Aquilo que (Winton) fez é algo de extraordinário" - disse Suzana Maresov, ela própria uma dessas crianças.
A história de Winton não era conhecida senão quando em 1988 a sua esposa encontrou correspondência que se referia aos eventos anteriores à guerra. Em 2002, o então primeiro-ministro britânico Tony Blair apelidou-o de "Schindler Inglês", lembrando o alemão que salvou centenas de judeus durante a guerra.
O filme anterior de Minac sobre o mesmo assunto - "Nicholas Winton - O poder do bem" foi galardoado com um Emmy Internacional em 2002.
Que estes grandes exemplos sejam lembrados e ensinados à nossa geração!
Só espero que este poderoso filme venha até aos nossos cinemas, a bem da humanidade!
Shalom, Israel!


2 comentários:

Anónimo disse...

Boa tarde!
Ainda bem que existiu pessoas, que naquela época, salvaram inocentes.

Edelmo Gaivoto disse...

Simplesmente incrível!