sexta-feira, dezembro 26, 2014

PARTICIPANTE MESSIÂNICA NO "TALENT SHOW" DA TV ISRAELITA AFIRMA OUSADAMENTE: "EU CREIO EM YESHUA!"

Os jovens messiânicos israelitas estão cada vez mais a sobressair no palco sem medo de declararem o que são e aquilo em que crêem. 
O último exemplo aconteceu na passada Terça-Feira à noite durante o programa de talentos mais visto na TV israelita.
A jovem messiânica israelita (crente em Jesus) Shai Sol, com 20 anos de idade, gerou uma verdadeira onda de espanto entre a audiência e os júris do programa de talentos "Kochav Haba" (A próxima estrela) quando declarou acreditar em Yeshua como Messias.
Quando chegou a altura de antes da sua interpretação ela se identificar perante os júris da competição de talentos Assi Azar e Rotem Sela, a jovem afirmou-lhes ousadamente: "Parece-me correcto revelar-lhes que eu sou uma judia messiânica. Nós acreditamos em Yeshua."
"O que é que isso quer dizer?" - questionou Azar.
Shai explicou então que os judeus messiânicos "são judeus que acreditam no Tanakh (Velho Testamento) e no Novo Testamento."
Sela interpôs: "Então, é uma espécie de cristão?"

Shai clarificou que a fé em Yeshua como Messias é uma "corrente do judaísmo."
A mãe de Shai acrescentou que "é uma corrente do judaísmo porque o Novo Testamento pertencia-nos a nós antes de ir para o cristianismo."
E a mãe corajosa ainda afirmou diante de todo o Israel (via TV) que a Nova Aliança foi inicialmente dada a Israel (Jeremias 31:31-33).
Azar expressou então a sua preocupação de que anunciar a  fé poderia levar os júris a não avaliarem correctamente a sua participação, e avisou Shai de que quando falassem com ela, "deixasse a história de lado."
"Nem pensar" - respondeu Shai, afirmando: "Não vou ocultar quem sou."
Sela questionou depois por que é que a jovem cantora deveria ocultar a sua fé: "Isto é o que ela é" - disse a popular modelo e personalidade da TV israelita.
"Quem me aceitar tem de me aceitar como sou" - afirmou Shai com firmeza.
Mas Azar, que é um declarado homossexual, não se ficou, e insistiu "como alguém que é parte de uma minoria em que a nossa sociedade é liberal em muitas formas, mas em outras é feia e nada liberal", ao ver que os seus argumentos não estavam a conseguir demover Shai, questionou então por que é que a sua fé em Yeshua precisava de ser tão abertamente pronunciada "quando estás aqui apenas para cantar"?
Mas a sua colega não se intimidou e confrontou Azar: "É assim que ela é. Se há pessoas que não aceitam isso, é problema delas. Shai não precisa de ocultar o que ela é."
Ao comparecer finalmente perante os júris, ela preferiu não levantar a questão, acabando por interpretar a canção que a levaria a conquistar um lugar no próximo estágio da competição.
Mas a intervenção ousada de Shai diante dos 2 júris foi tão impressionante, que o programa de talentos passou a usar a sua confissão de fé em Jesus nos anúncios publicitários do programa!
E agora que Deus honrou a jovem messiânica com a continuidade na competição, quem sabe se ela não terá até novas oportunidades para confessar a sua fé em Cristo diante de todo o Israel, tal como agora fez...!
A verdade é que a ousadia de Shai gerou uma polémica entre os júris, ao ponto de um deles ter dito ao outro que não falava mais com ele se não deixasse a menina participar na fase seguinte do programa. 

UMA AFIRMAÇÃO DE GRANDE SIGNIFICADO
Talvez na nossa sociedade "cristã", uma afirmação destas por parte de uma jovem participante num programa de competição de TV deste calibre não cause tanto impacto, ainda que já se tenham visto cantores evangélicos na TV a ocultarem por completo a sua "identidade cristã", talvez por vergonha ou conveniência...
Mas para Israel, um país onde a grande parte dos judeus ainda desconsideram os messiânicos e carregam preconceitos em relação aos mesmos, esta ousada declaração de Shai tem um impacto tremendo!
Imagine-se a "onda de choque" entre os judeus ortodoxos! Um judeu messiânico escreveu no facebook: "Pela primeira vez na História, uma pessoa judia declarou a sua crença em Yeshua na hora nobre da TV israelita!"
E, para alegria de muitos, já começam a surgir outros jovens messiânicos a aparecer nas redes sociais a declararem a sua fé em Jesus!

Shalom, Israel!

QUER CONTRIBUIR PARA ESTE MINISTÉRIO?
Se desejar contribuir com alguma oferta para encorajar o nosso ministério, ficaremos imensamente reconhecidos!

Para fazer qualquer contribuição, pode usar o sistema mundial de transferências "paypal", completamente seguro, bastando para tal clicar no pequeno rectângulo na coluna à direita onde diz "Doar", logo abaixo do anúncio dos DVDs. Obrigado!

2 comentários:

Cesar Augusto Cabral Arevalo Iehouah disse...

Pela liberdade de direitos sociais e humanos ou pelo exercício do 'ato de testemunhar a fé (próprio do cristianismo)' salta como virtuoso e somatovi. No âmago, não é isso que chama a atenção da sabedoria ortodoxa. Eu sei o que Shai quis dizer - ou suponho saber -, muitos judeus messiânicos e alguns cristãos também. Mas não o cristianismo mundial propriamente dito com suas lideranças e histórico milenar. A maior expectativa se direciona para uma repetição de tragédias e embustes históricos. Estou entre a minoria que confia em um desenvolvimento positivo para Israel e a família judaica mundial, assim como creio em multidões de cristãos que farão a diferença positiva. Porém a postura ainda não concerne ao que se espera. As atitudes isoladas ou focalizadas ainda redundam mais em tensões caça x caçador, do que interatividade e compreensão mútua. Que cada coração possa trazer Iehouah para seus olhos.

Anónimo disse...

Eu soube dessa notícia pelo Israel Today fiquei emocionada. Louvado seja nosso Senhor e Salvador Yeshua.

Fabiana Leite