sexta-feira, fevereiro 05, 2010

SAMARITANOS PERDEM SUMO SACERDOTE

Elazar ben Tsedaka, sumo sacerdote dos samaritanos, morreu aos 83 anos, tendo sido ontem sepultado junto ao Monte Gerizim, debaixo de neve, tal como foi debaixo de neve que este líder espiritual dos samaritanos tinha nascido há 83 anos atrás.
Segundo a tradição samaritana, ele foi o 131º a ocupar este cargo depois de Aarão, o sumo sacerdote irmão de Moisés.
Os samaritanos são actualmente uma pequena comunidade de 730 pessoas, muitas vezes incompreendidos e que praticam uma religião muito semelhante à dos judeus. Os samaritanos acreditam que é deles a verdadeira religião dos israelitas, e seguem a sua própria Lei (Torah) Samaritana, escrita numa antiga forma de hebraico praticamente desconhecida dos israelitas de hoje.
Os samaritanos actuais traçam a sua linhagem até aos israelitas que viviam no Norte da Samaria antes do exílio na Babilónia, e ainda hoje vêem o Monte Gerizim e não Jerusalém como o centro da sua religião.
Shalom, Israel!

Sem comentários: