sábado, junho 01, 2013

CONCEITUADO RABINO COM 108 ANOS CHOCA COMUNIDADE JUDAICA EM ISRAEL COM A REVELAÇÃO DA IDENTIDADE DO MESSIAS...

Apesar desta notícia ter sido dada pela primeira vez em Abril de 2007, a sua indesmentível actualidade "obriga-me" a voltar a publicar a mesma, tendo em vista novos leitores porventura interessados nesta fantástica história real, bem indicadora de como o Espírito de Deus está nestes "últimos dias" a revelar a Pessoa do Messias, até mesmo aos judeus ortodoxos mais radicais.

A REVELAÇÃO DA IDENTIDADE DO MESSIAS

Poucos meses antes de morrer, e já com 108 anos, mas perfeitamente lúcido, um dos mais proeminentes rabinos de Israel, Yitzhak Kaduri, terá escrito o nome do Messias numa pequena anotação que pediu ficasse selada até um ano depois (2007). Assim que a anotação foi aberta e lida, descobriu-se que o que ali estava escrito revelava aquilo que muitos já sabem desde há séculos: que Yeshua (Jesus) é o Messias.
YITZHAK KADURI


Usando o nome bíblico de Jesus, o rabino e os cabalistas descreveram o nome do Messias com seis palavras, chegando à conclusão de que as letras iniciais formavam o nome do Messias. 
A anotação até então secreta rezava assim:

"Em relação às abreviaturas do nome do Messias, Ele elevará o povo e provará que a Sua Palavra e Lei são válidas.
Isto eu assinei no mês da misericórdia.
Yitzhak Kaduri."


A frase hebraica (mencionada acima em negrito) com o nome oculto do Messias lê-se assim:


Yarim Ha'Am Veyokhiakh Shedvaro Vetorato Omdim

As iniciais de cada palavra têm o nome hebraico para Jesus. YEHOSHUA e YESHUA são efectivamente o mesmo nome, que deriva da mesma raiz hebraica para a palavra "salvação", tal como se encontra em Zacarias 6:11 e Esdras 3:2.
O mesmo sacerdote escreve em Esdras: "Jesuá (Yeshua), filho de Jozadaque", enquanto que em Zacarias está: "Josué (Yehoshua), filho de Jozadaque."

Com um dos mais proeminentes rabinos de Israel indicando o nome do Messias como sendo Jesus (Yeshua), é compreensível que o seu último desejo fosse que se esperasse um ano após a sua morte para que se revelasse o que ele havia escrito.
RABINO KADURI



Quando o nome de Jesus (Yehoshua) apareceu na mensagem de Kaduri, os judeus ultra-ortodoxos da sua escola rabínica (yeshiva) Nahalat Yitzhak, em Jerusalém, reagiram, alegando que o seu mestre não tinha deixado a solução exacta para descodificar o nome do Messias.
A revelação recebeu escassa divulgação nos media israelitas. Só os sites hebraicos "News First Class" e "Kaduri.net" é que mencionaram a nota com a identidade do Messias, insistindo na autenticidade da mesma. O jornal diário Ma'ariv escreveu sobre a história da anotação, descrevendo-a porém como sendo uma falsificação.
Os leitores judeus dos fóruns na internet reagiram às notícias de diferentes formas, tais como: "Então isso quer dizer que o rabino Kaduri era cristão?", e: "Os cristãos devem estar a dançar e a celebrar de contentes..."
Alguns seguidores de Kaduri confirmaram no entanto que a anotação era autêntica, mas ao mesmo tempo confusa para os seguidores do rabino: "Não temos nenhuma ideia de como é que o rabino chegou a este nome do Messias," - admitiu um dos seus seguidores.
Outros negam contudo qualquer autenticidade à anotação.

Não querendo também reconhecer a autenticidade da nota, o filho de Kaduri, o também rabino David Kaduri, com 80 anos, mostrou-se chocado com a admissão da anotação do seu pai no seu site oficial (www.kaduri.net), alegando que isso era uma blasfémia, mas confessando mesmo assim que no último ano de vida o seu pai vinha falando e sonhando quase exclusivamente com o Messias e a Sua vinda: "O meu pai encontrou o Messias numa visão," - disse - "e disse-nos que Ele viria em breve."


"O MESSIAS VIRÁ APÓS A MORTE DE ARIEL SHARON"

Alguns meses antes de morrer, e já com a idade de 108 anos, Kaduri surpreendeu os seus seguidores ao dizer-lhes que tinha encontrado o Messias. O rabino deu uma mensagem na sua sinagoga no dia de Yom Kippur (dia da Expiação), ensinando como reconhecer o Messias. Mencionou também que o Messias apareceria em Israel após a morte do ex-primeiro ministro Ariel Sharon, actualmente ainda em estado de coma. 
ARIEL SHARON

Há também outros rabinos que predizem o mesmo, incluindo Haim Cohen, o cabalista Nir Ben Artzi e a esposa do rabino Haim Kneiveskzy.
O próprio neto de Kaduri, o também rabino Yosef Kaduri, disse que o seu avô falava muitas vezes nos seus últimos dias sobre a vinda do Messias e a redenção através do Messias. Os seus retratos espirituais do Messias - em tudo semelhantes aos relatos do Novo Testamento - foram publicados nos sites "Kaduri.net" e "Nfc."

COMO KADURI RETRATOU O MESSIAS

"É difícil para muito boa gente da sociedade compreender a pessoa do Messias. A liderança e a ordem de um Messias de carne e sangue é dura de aceitar para muitos na nação. Como líder, o Messias não ocupará nenhum cargo, mas estará no meio do povo e usará os media para comunicar. O seu reino será puro e sem ambições pessoais ou políticas. Durante o Seu domínio, só a justiça e a verdade reinarão. Irão todos acreditar logo no Messias? Não. No início, alguns de nós irão acreditar nele, e outros não. Será mais fácil para as pessoas não-religiosas do que para os ortodoxos seguir o Messias.

A revelação do Messias acontecerá em duas fases: primeiramente, Ele irá confirmar activamente a Sua posição como Messias, sem que Ele mesmo saiba que é Messias. Então, irá revelar-se a alguns judeus, mas não necessariamente aos sábios estudiosos da Torá. Pode até ser às pessoas simples. Só então é que Ele se revelará à nação inteira. As pessoas interrogar-se-ão e dirão: 'O quê, é o Messias?' Muitos terão conhecido o Seu nome mas não terão acreditado que Ele é o Messias."

RABINO KADURI

O rabino Yitzhak Kaduri era conhecido pela sua memória fotográfica e memorização da Bíblia, do Talmude, do Rashi e outros escritos judaicos. Ele conheceu os sábios judeus e celebridades do século passado e rabinos que viviam na Terra Santa e que mantinham a fé viva ainda antes da formação do moderno estado de Israel.


Mas Kaduri não era apenas altamente estimado por causa dos seus 108 anos. Ele era carismático e sábio, e os principais rabinos viam-no como um "Tsadik", um homem justo, ou santo. Ele dava conselhos e abençoava todos quantos lhos pedissem. Ele era visitado por milhares que lhe pediam conselhos ou cura. Os seus seguidores falam de muitos milagres e os seus estudantes dizem que ele previu muitos desastres, incluindo o tsunami de 2006.


Mais de 200.000 pessoas percorreram as ruas de Jerusalém
acompanhando o seu funeral, como sinal de respeito e admiração.


"Quando vier, o Messias libertará Jerusalém das religiões estranhas que querem governar a cidade." - afirmou Kaduri em certa ocasião - "Elas não terão sucesso, porque irão lutar umas contra as outras."



Shalom, Israel!


13 comentários:

Anónimo disse...

Cada vez que leio essa história fico mais impressionada.

E ainda há os que blasfemam e ironizam o Filho de D'us. Que o Eterno tenha misericórdia.


Fabiana L.

U. Machado disse...

Soube da notícia, através de um programa de tv. Com o reconhecimento de uma autoridade de Israel, sobre o Messias, muitos ainda duvidam que Ele é o enviado de Hashem para a redenção de Eretz Israel.

Anónimo disse...

O nome revelado foi YAOHUSHUA(YAUHUSHUA).
O que estar revelado(yexua),não e revelação.

Weverton da Cruz Estevam disse...

Shalom Aleikhem!

Yisra'el só verá o Messias quando disser Baruch haba b'shem Adonai!Mas sobre a casa de Davi, e sobre os habitantes de Jerusalém, derramarei o Espírito de graça e de súplicas; e olharão para mim, a quem traspassaram; e prantearão sobre ele, como quem pranteia pelo filho unigênito; e chorarão amargamente por ele, como se chora amargamente pelo primogênito.
Naquele dia será grande o pranto em Jerusalém, como o pranto de Hadade-Rimom no vale de Megido.
E a terra pranteará, cada família à parte: a família da casa de Davi à parte, e suas mulheres à parte; e a família da casa de Natã à parte, e suas mulheres à parte;
A família da casa de Levi à parte, e suas mulheres à parte; a família de Simei à parte, e suas mulheres à parte. Todas as mais famílias remanescentes, cada família à parte, e suas mulheres à parte.
Zacarias 12:10-14

Anónimo disse...

Obviamente que esse "Messias" que este rabino se refere não é o verdadeiro Messias, Jesus de Nazaré, que hoje é o Cristo ressurreto.

Trata-se do falso messias, que se tornará o Anti-Cristo.

O verdadeiro Cristo não virá pela segunda vez tal como veio da primeira. Quem afirmar isso é mentiroso e quem acreditar nisso é porque desconhece o Novo Testamento.

Cuidado para não serem enganados!

Anónimo disse...

"Da quele dia e hora ninguem sabe"mas vigiai porque não sabei para que não se de lugar ao adversario

Anónimo disse...

É o anti cristo,com certza!

Clairton Ribeiro disse...

Tu er mongoloide er? Sabe ler nao? O nome que aqui chamamos de Jesus em hebraico er Yehoshua! nao tem nada cm yaohublablabla...
Procura aprender o portugues, ae dps estuda o hebraico. Pega as originais letras em hebraico, pega a mensagem escrita pelo rabino e tire as próprias conclusões, e dps joga num transiterador hebraico/latim, e ae veras a codificação das letras.

Clairton Ribeiro disse...

Tua própria capacidade de entender as coisas te enganam! Yehoshua=Jesus, ja veio na terra ôh mane, qm vem dps dzndo q er o messias sim, será o anticristo.
Deus é muito misericordioso ama muito os seus e de maneira alguma deixara se perderem, tanto q esta avisando sobre a verdade!

Marcos Moraes disse...

Sou de origem calvinista. Tenho lido sobre textos rabinicos e certamente pelo desconhecimento do mundo cristão do judaísmo traz reduções de raciocínio. Muitos ritos do cristianismo foram incorporados com aproximação do Império romano e outras religiões. Portanto no mínimo deve isolar atos e palavras de Yeshua, isolar tais palavras da doutrina romana que vem desde concílio de Niceia.

Marcos Moraes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Adilson Rodrigues disse...

O REINO DE DEUS COM SEDE MUNDIAL IPDA EM 2000 EC O REINO FOI RESTABELECIDO A ISRAEL E EM 5777 ANO JUDAÍCO QUE É 777 NÚMERO DA PERFEIÇÃO ONDE OS JUDEUS ESPERAM O MESSIAS CRISTO , AGORA SOBRE O PAPA SANTIFICADO QUE PREPARARÁ O CAMINHO PARA MAIS UMA VINDA DO MESSIAS EM 2001 EM SOROCABA SP UM PROFETA DA CONGREGAÇÃO CRISTÃ QUE ESTEVE NA ARGENTINA PREGANDO PARA O MARADONA ME DISSE QUE DEUS TINHA REVELADO QUE DEVIDO AOS PASTORES ESTAREM EXALTADOS DEUS IA LEVANTAR UM PAPA SANTIFICADO NO MEIO DO POVO E ERA EU POIS EM 2001 EU ACABEI TOMANDO A HOSTIA PELO PADRE EM SOROCABA ANTES DAI EU ENCONTREI ESSE PROFETA NA RUA EM2001 E ESSE PAPA SANTIFICADO ERA EU EM 2004 ANTES DO PAPA JOÃO PAULO II MORRER UM MÊS E MEIO ANTES EU ME TORNEI PAPA SANTIFICADO BATIZADO NA IGREJA DE MARIA MÃE DE JESUS COM 30 ANOS DE BATISMO CLARO QUE EU CONTINUEI SENDO PASTOR EVANGÉLICO , MAS DEPOIS DO PAPA BENTO XVI FOI ESCOLHIDO O PAPA FRANCISCO DA ARGENTINA ONDE O MARADONA ESTAVA , CUMPRINDO TAMBÉM A PROFECIA DO PAPA SANTIFICADO FRANCISCO PARA AJUDAR NA OBRA DE DEUS E PREPARANDO CAMINHO PARA O CRISTO MESSIAS REINAR ATÉ EM ISRAEL 5777 ANOS MAS A IGREJA DE PEDRO TEM QUE VOLTAR A AUTORIDADE QUE FAZIA QUASE 2000 EC QUE ELA VINHA REINANDO POIS POR AI TEM A IMAGEM DA BESTA COM SUAS LEIS DIABOLICAS MANDANDO NO MUNDO INTEIRO , POR ISSO A NOSSA LUTA É CONTRA A IMAGEM DA BESTA CÉZAR QUE ESTÁ POR AI POR AI. ASSINADO ADILSON SANTOS O PAPA SANTIFICADO O JOÃO BATISTA O ELIAS O AMÉM.

Ciência e Tradição disse...

Prezado

Em relação a essa notícia sobre ribi Kaduri, há por parte do divulgador (Movimento Ensinando de Sião) erros na leitura do texto escrito pelo ribi. Assim eles traduziram a frase:

“que o povo se levante e prove que a sua palavra e a sua torah são válidas”.

Ora o texto não diz isso, mas sim:

Começando pela primeira letra do bilhete a tradução correta é:

בעען קר"ת של משיח
“Assunto de interesse, proclamação acerca de Mashiach”
“ירים העם ויוכיח שדברי ותורתו עומדים ”
“levantará o povo e provará que as palavras da Torah permanecem as mesmas, ou seja, não houve mudança alguma; o mashiach continuará reverenciando a Torah”

- e, não como escreveram

“em relação a abreviação das letras do nome do mashiach!?”
Como não dominam o idioma confundiram (קר"ת) que é abreviação da palavra (קריאת)-kriat=proclamação, com a palavra abreviação!!!

E pelas mesmas razões, também escreveram:
“Ele elevará o povo e provará que a Sua Palavra e Lei são válidas.”

Na verdade é um mistério em como puderam conceber essa tradução. O povo evangélico é crédulo, mas não usa a inteligencia, portanto o que o sr publica com tanta sinceridade no seu blog não está de acordo com as frases do bilhete de ribi Kaduri.