segunda-feira, julho 21, 2014

10 TERRORISTAS PALESTINIANOS INFILTRADOS EM ISRAEL LIQUIDADOS PELAS FDI

Duas células terroristas do Hamas penetraram em Israel durante esta madrugada através de túneis, tendo uma delas sido liquidada pela aviação israelita e a outra pelos soldados das Forças de Defesa de Israel.
Neste momento está-se a dar uma operação de "caça ao homem" na região onde uma das células se infiltrou, uma vez que se teme que alguns elementos terroristas tenham conseguido escapar. Os terroristas entraram numa zona próxima a dois kibbutzim, no sul de Israel, tendo a segurança israelita alertado imediatamente os residentes a não saírem de suas casas e fecharem todas as portas e janelas. 
Desde o início da operação "Margem de Protecção" Israel já atingiu cerca de 2.800 alvos terroristas, incluindo a unidade central de reconhecimento do Hamas. 
Após intensos ataques durante esta manhã, vários rockets foram disparados contra zonas centrais de Israel, tendo todos sido abatidos pelo sistema de defesa "Cúpula de Ferro."
Milhares de israelitas participaram nos funerais dos seus 13 heróis caídos em combate. A dor dos familiares é intensa e não faltam elogios à vida e à heroicidade destes jovens que pagaram com a vida a defesa do seu povo contra o ódio e crueldade dos palestinianos terroristas.
Terão alegadamente havido 20 mortos do lado palestiniano durante os ataques de Israel, esta madrugada, em Gaza.
Um alegado sequestro de um soldado israelita, intensamente festejado na Faixa de Gaza pelos palestinianos, foi entretanto desmentido pelas forças de Israel. 
O total actual de vítimas mortais do lado israelita é de 18 soldados, havendo ainda 101 soldados hospitalizados.

DESTRUIÇÃO DOS TÚNEIS "EXCEDE AS EXPECTATIVAS"
O primeiro-ministro Netanyahu declarou há pouco que as Forças de Defesa de Israel "estão avançando no terreno conforme planeado" e que a operação "margem de Protecção" irá continuar a ser expandida até que seja alcançado o objectivo de restaurar a paz e tranquilidade aos cidadãos de Israel por longos anos.
Elogiando o esforço realizado até agora pelos bravos soldados de Israel, Netanyahu acrescentou ainda estar impressionado com a actividade da destruição de túneis, estando a ser alcançados resultados acima do que se esperava. 
Segundo as estimativas palestinianas há um total de 509 vítimas mortais e 3.050 feridos como resultado dos ataques israelitas em resposta aos constantes actos terroristas originados em Gaza pelo Hamas e pela Jihad Islâmica. Todas as vítimas civis palestinianas são de lamentar profundamente, mas há também de culpabilizar a 100% os líderes terroristas do Hamas, escondidos em bons hotéis e abrigos, e mandando a pobre população para os locais onde se sabe que Israel irá atacar, afim de servirem como "escudos humanos." Os terroristas palestinianos não têm qualquer amor pela vida do povo, forçando mulheres e crianças a enfrentarem os ataques israelitas, apesar de previamente avisados para evacuarem os espaços. Mas muitos habitantes de Gaza são também culpados, ao colaborarem com os terroristas, permitindo que eles instalem rampas de lançamento de rockets e armazenamento de armas e explosivos nas suas casas, mesquitas, hospitais e escolas. 

Shalom, Israel!



3 comentários:

Soberano Senhor Iehouah Elohim disse...

O Hamas tem posição inflexível e obrigatória para todo árabe sobre comando seu e de seus aliados acerca de destruir o povo judeu, pôr inimizade entre seus aliados e fazer qualquer um morrer em prol disso. Se valem do estatuto de fundação, do Corao
e da Irmandade Muçulmana. Armas iranianas e sírias, além da simpatia e apóio nazistas.
Israel está lutando contra um inimigo perverso e perigoso que usa as pessoas da palestina de acordo com a vontade delas e uma educação voltada pra o terrorismo.

Anónimo disse...

Ambos estão perdendo nesta guerra, crianças morem todos os dias na Cisjordânia devido ataque de Israel.
Israel deveria atar somente em terra para evitar mortes das crianças, os ataques aerios de Israel e covarde, isso tem que parar..
Por outro lado Israel tem que acabar de uma vez por todas com Hamas, porem não podem continuar a matar crianças, veja as fotos após bombardeiro e um horror... sei que também a morte do lado de Israel... e por isso que apoio mas somente ataque via terra não e justo nenhuma criança tanto do lado de Israel e Cisjordânia..

Soberano Senhor Iehouah Elohim disse...

Compreensível. Isso já está na gênese das guerras na nossa história humana. Toda morte, mesmo do assassino ou estuprador é horrível. Crianças não são nada disso ou aquilo. Não mesmo! Mas e quando usadas ou mesmo orientadas para as maiores atrocidades? Os atuais assassinos hediondos do Hamas e muitos outros palestinos já não foram crianças? Os pais deles fizeram exatamente o que os pais dos de hoje fazem. E os pais deles que torturaram, estupraram, massacraram e mataram judeus só por serem judeus também foram crianças, não foram? Conhece a Interpretação Geral do Islã pra todo palestino? O Estatuto do Hamas e a importância dele. Têm ciência que apenas a covardia impede ainda de Turquia-Irã-Síria-Palestinos (os mais de cinco milhões) promoverem o extermínio de judeus em Israel e todo oriente-médio? Sabe que o Hamas obriga a taxa de nascimentos ser altíssima como arma política, social e militar? Que eles prevê m a misericórdia cristã-judaica e a ignorância humanista-alienada? Iehouah - não peço que ninguém creia em nada - já ordenou o extermínio de civilizações inteiras com crianças e tudo mais. Deus cruel do velho testamento? O ultrapassado pela versão cristã mais comum igualado ao amor? O Nazareno pode ter proferido as palavras do Sermão do Monte como um ideal a ser alcançado, mas ele sabia - penso que saiba ainda - que se todo cristão ou judeu der a cara sempre acaba não sobrando nada, que naquele tempo o poder da casa de David estava fragmentado com muitas lideranças sem apoiar Jerusalém e outras contra. Israel voltou e nada vai mudar isso, embora já repita os erros administrativos narrados na Bíblia, entre tais erros tentar dar terras e dinheiro por paz, agradar lideranças mundiais incapazes no escopo destes assuntos que lhe são referentes, fazer trégua unilateral e dar ousadia pra outros parasitarem em sua área. Pensa que estes 'palestinos' são os descendentes da partilha de 1948? Não são. Tem material bom na www en blogues e sites vários. Historiadores judeus geralmente são neutros na exposição, buscando a diversidade e equilíbrio das informações. Neste blog tem boas informações. Crianças? Se fosse meu filho? O que fizeram os árabes israelenses?! Acha que vieram da onde? São covardes da ocupação sionista? Faria isso mesmo que detestasse judeus e cristãos e ajudaria a derrubar por todos os meios quem fosse contra, pois isso é amar a vida, sobrevivência, crianças e futuro. Iehouah - não precisa ser crido - jamais sumiu da história judaica ou humana. Misecordioso e Amor, concordemente justo e poderoso. Purissimo e Bom, também Guerreiro Poderoso De Israel e o 'Ser Supremo' Vingador. Não é guerra santa, isso fica pra Alá, simplesmente respeitar e deixar viver o povo de Israel e de sobra os judeus e hebraístas. Crianças não precisam e não devem morrer assim como a segurança de uma nação milenar não pode ser colocada em risco algum e portanto o ataque/defesa vai gerar vítimas causa-efeito, entre as quais crianças. Se os palestinos teimarem muito e conseguir atingir o objetivo de movimentar o mundo árabe e ocidental, Israel será obrigado a retaliar com armas tão letais quanto houverem. Se